motoactv coupon Nest Thermostat Discount Fitbit Coupon Bose Soundlink Coupon jawbone coupon Medialink wireless N router cheap roku 2 xs Bowflex Selecttech 552 discount p90x cheap bowflex selecttech 552 best price cleaning microfiber cleaning

Sergio Telles

OBRAS DO ARTISTA

 

Sergio Telles 10704

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BIOGRAFIA

 

Sergio TellesSergio Telles (Rio de Janeiro RJ 1936)

Desenhista, pintor e ilustrador.

 

Sergio Barcellos Telles estudou na Colméia em meados de 1954, no Rio de Janeiro. Realizou sua primeira exposição individual em 1955, no Rio de Janeiro. Em 1957, viaja pela Europa e visita os principais museus da Itália, França, Holanda e Portugal. Nessa mesma época, faz estágio nos serviços de restauração da Pinacoteca do Vaticano. De volta ao Brasil, freqüenta os ateliês de Rodolfo Chambelland, Oswaldo Teixeira e de Marie Nivoulies de Pierrefort, no Rio de Janeiro. Em 1964, ingressa na carreira diplomática. Na década de 70, viaja para Porto Seguro, Bahia, por sugestão do escritor Jorge Amado, e realiza desenhos e óleos, publicados em livro, com a colaboração de Jorge Amado e Jeanine Warnwood. É autor de Nivouliès de Pierrefort, editado em Buenos Aires pelo Museu de Arte Moderna, 1974; e ilustrador de Rio de Janeiro, lançado no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro, em 1978.

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

1955 – Rio de Janeiro RJ – Primeira individual
1969 – Bruxelas (Bélgica) – Individual, na Galeria L’Angle Aigu
1969 – Paris (França) – Individual, na Galeria Debret
1972 – Buenos Aires (Argentina) – Individual, na Galeria Wildenstein
1973 – Rio de Janeiro RJ – Individual, no MNBA
1973 – São Paulo SP – Individual, na Pinacoteca do Estado
1977 – São Paulo SP – Individual, no MAB-FAAP
1977 – Buenos Aires (Argentina) – Individual, na Galeria Wildenstein
1977 – Paris (França) – Individual, na Galeria La Cave
1978 – Londres (Inglaterra) – Individual, na Galeria Wildenstein
1979 – Paris (França) – Individual, na Galeria La Cave
1979 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Lebreton
1980 – Osaka (Japão) – Individual, na Galeria Fujikawa
1981 – São Paulo SP – Individual, no Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte
1982 – Paris (França) – Retrospectiva, no Museu Carnavalet
1986 – Genebra (Suíça) – Homenagem aos 50 Anos de Sergio Telles, no Museu Petit Palais
1987 – Rio de Janeiro RJ – Individual, no MNBA
1988 – São Paulo SP – Retrospectiva, no Masp
1989 – Brasília DF – Individual, na Galeria Oscar Seráphico
1992 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Bonino
1994 – São Paulo SP – Individual, no Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte
1994 – Salvador BA – Individual, no Escritório de Arte da Bahia
1995 – Belo Horizonte MG – Sérgio Telles: Pinturas e Desenhos, no BDMG Cultural

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

1954 – Rio de Janeiro RJ – Salão Nacional de Belas Artes – prêmio estímulo
1979 – Hanover (Alemanha) – Coletiva, na Galeria Rosenbach
1979 – Genebra (Suíça) – Coletiva, na Galeria do Perron
1980 – Buenos Aires (Argentina) – Ochenta Años de Arte Brasileño, no Banco Itaú
1981 – Tóquio (Japão) – Júlio Pacello e suas Edições de Arte, na Biblioteca Municipal
1982 – Miê (Japão) – Coletiva, no Museu de Arte Moderna
1982 – Buenos Aires (Argentina) – Coletiva, na Galeria Wildenstein
1987 – Hanover (Alemanha) – Coletiva, na Galeria Rosenbach
1988 – Buenos Aires (Argentina) – Coletiva, na Galeria Wildenstein
1988 – Genebra (Suíça) – Coletiva, na Galeria do Perron
1989 – Washington D.C. (Estados Unidos) – Exposição, no Museu da OEA
1992 – Rio de Janeiro RJ – Natureza: quatro séculos de arte no Brasil, no CCBB
1994 – Poços de Caldas MG – Coleção Unibanco: exposição comemorativa dos 70 anos de Unibanco, na Casa da Cultura
1995 – Rio de Janeiro RJ – Os Ateliers do Viajante, na MAM/RJ
1995 – Rio de Janeiro RJ – Coleção Unibanco: exposição comemorativa dos 70 anos do Unibanco, no MAM/RJ
1995 – São Paulo SP – Projeto Arte Atual Brasil, no Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte
1996 – São Paulo SP – Pintura, no Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte
2005 – São Paulo SP – Acervo 2005, no MAB-FAAP

Fonte: Itaú Cultural