motoactv coupon Nest Thermostat Discount Fitbit Coupon Bose Soundlink Coupon jawbone coupon Medialink wireless N router cheap roku 2 xs Bowflex Selecttech 552 discount p90x cheap bowflex selecttech 552 best price cleaning microfiber cleaning

Gregório Gruber

OBRAS DO ARTISTA

 

Gregório Gruber - Amanhecer

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BIOGRAFIA

 

gregorio gruberGregório Gruber (Santos SP 1951)

Pintor, desenhista, gravador, escultor, cenógrafo, fotógrafo.

 

Inicia formação artística com cursos de piano e teoria musical na Fundação Armando Álvares Penteado – Faap em 1965, e com aulas de cravo na Pró-Arte. Freqüenta o curso de desenho de Frederico Nasser (1969), e também produz filmes em super-8. Em 1971, interrompe o curso de arquitetura na Faculdade de Arquitetura da Universidade Presbiteriana Mackenzie, e passa a freqüentar aulas de litografia e de gravura em metal, no Ateliê Mário Gruber e no Socorro Curso de Gravura em Metal, respectivamente. Ingressa no curso de artes plásticas da Faap, em 1972, abandonando-o no ano seguinte. Viaja para Paris e tem aulas de desenho na Académie de la Grande Chaumière, em 1974. Nesse ano, realiza sua primeira individual, no Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand – Masp. Faz estágios de artes gráficas e fotografia no Ateliê Mário Gruber, em 1975, e, no ano seguinte, é responsável pelo curso de desenho de modelo vivo, na Pinacoteca do Estado de São Paulo – Pesp. É contemplado com o prêmio de melhor gravura da Associação Paulista de Críticos de Arte – APCA em 1976. Edita o livro Bodas de Sangue, em 1986, com desenhos realizados com base no filme de Carlos Saura. E atua como cenógrafo da peça Vestido de Noiva, de Nelson Rodrigues (1912 – 1980), dirigida por Marcio Aurelio (1948), em 1987. Sua obra é objeto de quatro filmes: O Gesto Criador, 1977, e Retrato do Artista Quando Jovem, 1978, ambos de Olívio Tavares de Araújo; Uma Tarde com Gregório, 1987, de Nelson Pereira dos Santos e Gregório, 1992, do Instituto Itaú Cultural.

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

1974 – Campinas SP – Gravuras, na Galeria Girassol
1974 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pastéis, no Masp
1975 – Rio de Janeiro RJ – Pastéis, na Graffiti Galeria de Arte
1976 – Rio de Janeiro RJ – Gravuras, na Graffiti Galeria de Arte
1976 – São Paulo SP – Gregório Gruber: aquarelas, desenhos e pinturas, no MAB/Faap
1977 – São Paulo SP – O Artista no Banco: impressões, no Masp
1978 – Brasília DF – Gregório Gruber: desenhos, na Oscar Oscar Seraphico Galeria de Arte
1978 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pinturas e aquarelas, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1979 – Santos SP – Gregório Gruber: desenhos, no Tênis Clube
1979 – São Paulo SP – Anatomias, na Galeria Luisa Strina
1980 – Porto Alegre RS – Gregório Gruber: paisagens, na Galeria do Centro Comercial
1980 – São Paulo SP – Gregório Gruber, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1980 – São Paulo SP – Gregrório Gruber: paisagens, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1981 – Brasília DF – Gregório Gruber: desenhos, na Oscar Seraphico Galeria de Arte
1982 – São Paulo SP – Gregório Gruber: óleos e pastéis, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1983 – Rio de Janeiro RJ – Gregório Gruber: pastéis, na GB ARTe
1983 – São Paulo SP – Gregório Gruber: bronzes, na Galeria de Artes Rastro
1983 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1983 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Sesc Paulista
1984 – São Paulo SP – Lugares: pinturas, desenhos, fotos, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1986 – Rio de Janeiro RJ – Bodas de Sangue, na Casa de Cultura Laura Alvim
1986 – Rio de Janeiro RJ – Gregório Gruber: pastéis e video-gráficos, na Montesanti Galleria
1986 – São Paulo SP – Bodas de Sangue, no Escritório de Arte São Paulo
1988 – São Paulo SP – Individual, no Escritório de Arte São Paulo
1988 – São Paulo SP – Voyeur e o Banco, no Espaço D’Artefacto
1990 – São Paulo SP – Gregório Gruber Gravuras: obras sobre papel, no Morumbi Shopping
1993 – São Paulo SP – Individual, Galeria São Paulo
1993 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pinturas, papéis, cerâmicas, no Escritório de Arte São Paulo
1993 – São Paulo SP – Pinturas, Papéis, Cerâmicas, na Galeria São Paulo
1995 – São Paulo SP – Gregório Gruber: visões, n’A Hebraica
1996 – Poços de Caldas MG – Gregório Gruber: pinturas, desenhos e esculturas, na Casa de Cultura de Poços de Caldas
1996 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pinturas, no Espaço Ox
1996 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pinturas, desenhos e esculturas, no Instituto Moreira Salles
2001 – São Paulo SP – Gregório Gruber: pinturas e papéis, na Galeria Múltipla de Arte
2002 – São Paulo SP – Individual, na Bolsa de Mercadorias e Futuros

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

1970 – São Paulo SP – 4ºJovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
1971 – São Paulo SP – 3º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1971 – São Paulo SP – 3º Salão Paulista de Arte Contemporânea, na Galeria Prestes Maia
1972 – Campinas SP – 8º Salão de Arte Contemporânea de Campinas, no MACC – primeiro prêmio
1972 – Jundiaí SP – 3º Encontro Jundiaiense de Arte, no Museu Histórico e Cultural
1972 – São Paulo SP – 3º Salão Jovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
1972 – São Paulo SP – Prêmio Brasil Plástica 72, na Fundação Bienal
1972 – São Paulo SP – 4º Salão Paulista de Arte Contemporânea, no Masp
1973 – Bruxelas (Bélgica) – Image du Brésil, no Manhattan Center
1973 – Rio de Janeiro RJ – Alguns Aspectos do Desenho Brasileiro, na Galeria Ibeu Copacabana
1973 – Santos SP – 2ª Bienal de Artes Plásticas
1973 – São Paulo SP – 12ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1974 – Belo Horizonte MG – Desenho Brasileiro 74, no Palácio das Artes
1974 – Brasília DF – Desenho Brasileiro 74, na Fundação Cultural do Distrito Federal
1974 – Campinas SP – 9º Salão de Arte Contemporânea de Campinas, no MACC
1974 – Rio de Janeiro RJ – Desenho Brasileiro 74, no MAM/RJ
1974 – Rio de Janeiro RJ – 6º Salão de Verão, no MAM/RJ
1975 – Jundiaí SP – 4º Encontro Jundiaiense de Artes
1975 – São Paulo SP – 6º Salão Paulista de Arte Contemporânea, na  Fundação Bienal
1976 – Cali (Colômbia) – 3ª Bienal Americana de Artes Gráficas, no Museo de Arte Moderno La Tertulia
1976 – Rio de Janeiro RJ – Arte Agora I – Brasil 70/75, no MAM/RJ
1976 – São Caetano do Sul SP – Arte Contemporânea 76, na Fundação das Artes
1976 – São Paulo SP – Bienal Nacional 76, na Fundação Bienal
1976 – São Paulo SP – 8º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1977 – Belo Horizonte MG – 5º Salão Global de Inverno, na Fundação Palácio das Artes
1977 – Brasília DF – 5º Salão Global de Inverno, na Fundação Cultural do Distrito Federal
1977 – Rio de Janeiro RJ – 5º Salão Global de Inverno, no Mnba
1977 – São Paulo SP – 5º Salão Global de Inverno, no Masp
1977 – São Paulo SP – 9º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1978 – Buenos Aires (Argentina) – 15 Artistas Brasileiros, no Museo de Arte Moderno de Buenos Aires
1978 – Maldonado (Uruguai) – 2ª Bienal de Maldonado
1978 – Rio de Janeiro RJ – 1º Salão Nacional de Artes Plásticas, no Mnba – prêmio aquisição
1979 – Belo Horizonte MG – 11º Salão Nacional de Arte
1979 – São Paulo SP – 15ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1979 – São Paulo SP – 11º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1980 – Paris (França) – Bienal de Paris
1981 – São Paulo SP – Artistas Contemporâneos Brasileiros, no Escritório de Arte São Paulo
1982 – Penápolis SP – 5º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1983 – São Paulo SP – 14º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1983 – São Paulo SP – Avenida Paulista, na Galeria Sesc Paulista
1983 – São Paulo SP – Palmeira, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1983 – São Paulo SP – 14º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1984 – São Paulo SP – As Dimensões Urbana e Industrial na Pintura Figurativa Paulista, na Traço Galeria de Arte
1984 – São Paulo SP – Coleção Gilberto Chateaubriand: retrato e auto-retrato da arte brasileira, no MAM/SP
1985 – Penápolis SP – 6º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1985 – Rio de Janeiro RJ – Velha Mania: desenho brasileiro, na EAV/Parque Lage
1985 – São Paulo SP – Destaques da Arte Contemporânea Brasileira, no MAM/SP
1986 – São Paulo SP – A URBS na Visão de Oito Artistas, na Galeria Montesanti Roesler
1987 – Rio de Janeiro RJ – Ao Colecionador: homenagem a Gilberto Chateaubriand , no MAM/RJ
1987 – São Paulo SP – 18º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1987 – São Paulo SP – 20ª Exposição de Arte Contemporânea, na Chapel Art Show
1987 – São Paulo SP – 18º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1987 – São Paulo SP – Trama do Gosto, na Fundação Bienal
1988 – São Paulo SP – Juréia, na Sadalla Galeria de Arte
1992 – Santo André SP – Litogravura: métodos e conceitos, no Paço Municipal
1992 – São Paulo SP – Anos 60/70: Coleção Gilberto Chateubriand – MAM/RJ, na Galeria de Arte do Sesi
1993 – Santos SP – 4ª Bienal Nacional de Santos, no Centro Cultural Patrícia Galvão
1993 – São Paulo SP – O Desenho Moderno no Brasil: Coleção Gilberto Chateaubriand, na Galeria de Arte do Sesi
1994 – Poços de Caldas MG – Coleção Unibanco: exposição comemorativa dos 70 anos de Unibanco, na Casa da Cultura de Poços de Caldas
1994 – Rio de Janeiro RJ – O Desenho Moderno no Brasil: Coleção Gilberto Chateubriand, no MAM/RJ
1994 – São Paulo SP – Bandeiras: 60 artistas homenageiam os 60 anos da USP, no MAC/USP
1994 – São Paulo SP – Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal
1995 – Rio de Janeiro RJ – Coleção Unibanco: exposição comemorativa dos 70 anos do Unibanco, no MAM/RJ
1996 – São Paulo SP ? Bandeiras, na Galeria de Arte do Sesi
1996 – São Paulo SP – OFF Bienal, no MuBE
1997 – São Paulo SP – A Cidade dos Artistas, no MAC/USP
1998 – São Paulo SP – Arte Contemporânea, na Sérgio Caribé Galeria de Arte
1998 – São Paulo SP – O Moderno e o Contemporâneo na Arte Brasileira: Coleção Gilberto Chateaubriand – MAM/RJ, no Masp
1999 – São Paulo SP – 8 Artistas Brasileiros, na Sérgio Caribé Galeria de Arte
1999 – São Paulo SP – Litografia: fidelidade e memória, no Espaço de Artes Unicid
2000 – São Paulo SP – O Papel da Arte, na Galeria de Arte do Sesi
2000 – São Paulo SP – 9º Salão Paulista de Arte Contemporânea, no Complexo Cultural Júlio Prestes
2001 – São Paulo SP – Museu de Arte Brasileira: 40 anos, no MAB/Faap
2001 – São Paulo SP – Trajetória da Luz na Arte Brasileira, no Itaú Cultural
2002 – São Paulo SP – 8 Artistas Brasileiros Contemporâneos, na Casa das Rosas
2002 – São Paulo SP – Quem Faz as Bienais, na Galeria Múltipla de Arte
2003 – Rio de Janeiro RJ – Projeto Brazilianart, na Almacén Galeria de Arte
2003 – São Paulo SP – Arte & Artistas: exposição dos dezenove pintores, na Masp. Galeria Prestes Maia
2003 – São Paulo SP – Israel e Palestina: dois estados para dois povos, Sesc/Pompéia
2004 – Campinas SP – Coleção Metrópolis de Arte Contemporânea, no Espaço Cultural CPFL
2004 – São Paulo SP – 450 X 45, na Nova André Galeria
2004 – São Paulo SP – Coletiva de Artistas Contemporâneos, no Esporte Clube Sírio
2004 – São Paulo SP – O Preço da Sedução: do espartilho ao silicone, no Itaú Cultural

 

Fonte: Itaú Cultural