motoactv coupon Nest Thermostat Discount Fitbit Coupon Bose Soundlink Coupon jawbone coupon Medialink wireless N router cheap roku 2 xs Bowflex Selecttech 552 discount p90x cheap bowflex selecttech 552 best price cleaning microfiber cleaning

Carmélio Cruz

OBRAS DO ARTISTA

 

Carmelio Cruz

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BIOGRAFIA

 

Carmélio Rodrigues Cruz (Canindé CE 1924)

Pintor, desenhista, cenógrafo, figurinista e gravador.

 

Trabalha com o mestre Jacinto de Souza, de quem recebe as primeiras informações sobre arte, entre 1935 e 1940. Quatro anos depois, participa da Sociedade Cearense de Artes Plásticas – SCAP ao lado de Antonio Bandeira (1922 – 1967), Aldemir Martins (1922 – 2006) e outros. Em 1947, muda-se para o Rio de Janeiro, passando a lecionar na Associação Brasileira de Desenho, até 1950. É diretor do departamento de arte da TV Continental, entre 1959 e 1961. Expõe individualmente pela primeira vez em 1951, no Museu de Arte Moderna de Resende, MAM/Resende. Em 1963, realiza o documentário O Fogo e a cenografia do filme Pluft, o Fantasminha, recebendo por este trabalho o Prêmio Saci de O Estado de S. Paulo e o Prêmio Governador do Estado de São Paulo.

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

1951 – Resende RJ – Primeira individual, no MAM/Resende
1962 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Vila Rica
1964 – São Paulo SP – Individual, na Galeria São Luís
1965 – São Paulo SP – Individual, na Galeria São Luís
1965 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Goeldi
1973 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria da Praça
1974 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria da Praça
1977 – Rio de Janeiro RJ – Individual, na Galeria Domus
1983 – São Paulo SP – Individual, na Tableau Artes Plásticas
1985 – Campinas SP – Individual, na Galeria Croqui
1986 – São Paulo SP – Individual, na Galeria Seta
1989 – Fortaleza CE – Carmelio Cruz: Da Cor da Luz do Sol, no Escritório de Arte do Ceará

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

1946 – Fortaleza CE – 2º Salão de Abril
1948 – Fortaleza CE – 4º Salão de Abril
1951 – São Paulo SP – 1ª Bienal Internacional de São Paulo, no Pavilhão do Trianon
1953 – São Paulo SP – 2ª Bienal Internacional de São Paulo
1955 – São Paulo SP – 3ª Bienal Internacional de São Paulo, no Pavilhão das Nações
1955 – São Paulo SP – 4º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia
1956 – São Paulo SP – 5º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia – medalha de bronze
1957 – São Paulo SP – 6º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia – prêmio aquisição
1958 – São Paulo SP – 47 Artistas do Prêmio Leirner de Arte Contemporânea, na Galeria de Arte das Folhas
1958 – São Paulo SP – 7º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia – prêmio aquisição
1959 – Rio de Janeiro RJ – 8º Salão Nacional de Arte Moderna
1959 – São Paulo SP – Salão Paulista de Arte Moderna
1960 – Rio de Janeiro RJ – 9º Salão Nacional de Arte Moderna
1960 – São Paulo SP – Salão Paulista de Arte Moderna
1961 – Rio de Janeiro RJ – 10º Salão Nacional de Arte Moderna
1961 – Rio de Janeiro RJ – Prêmio Formiplac, não MAM/RJ
1961 – São Paulo SP – 10º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia
1962 – Rio de Janeiro RJ – 11º Salão Nacional de Arte Moderna
1962 – São Paulo SP – 11º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia – pequena medalha de prata
1963 – Rio de Janeiro RJ – 12º Salão Nacional de Arte Moderna
1963 – São Paulo SP – 7ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1963 – São Paulo SP – Salão Paulista de Arte Moderna
1964 – São Paulo SP – 13º Salão Paulista de Arte Moderna – 1º Prêmio Governo do Estado
1965 – São Paulo SP – 8ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal – Prêmio Itamaraty em desenho
1967 – Frankfurt (Alemanha) – Desenhistas Brasileiros
1967 – Madri (Espanha) – Desenhistas Brasileiros
1967 – Roma (Itália) – Desenhistas Brasileiros
1967 – São Paulo SP – 9ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1967 – Tel Avive (Israel) – Desenhistas Brasileiros
1968 – São Paulo SP – Exposição Internacional de Gravura, na Faap
1968 – São Paulo SP – 17º Salão Paulista de Arte Moderna
1970 – Chicago (Estados Unidos) – Coletiva Chelsea de Arte Brasileira
1970 – Nova York (Estados Unidos) – Coletiva Chelsea de Arte Brasileira
1979 – São Paulo SP – Coleção Theon Spanudis, na MAC/USP
1991 – Fortaleza CE – Scap: 50 Anos, no Imperial Othon Palace Hotel
1997 – São Paulo SP – A Cidade dos Artistas, no MAC/USP
1999 – São Paulo SP – Cotidiano/Arte. O Consumo, no Itaú Cultural
2000 – São Paulo SP – Brasil + 500 Mostra do Redescobrimento, na Fundação Bienal

 

Fonte: Itaú Cultural